Como saber se o carro já foi/é de leilão ou roubado

Além do carro geralmente ser um investimento que te faz perder dinheiro na hora da venda, o cliente ainda corre o risco de estar com um carro de leilão em mãos e nem imaginar.


Não tem coisa que mais desvaloriza um carro do que saber que o mesmo já foi sinistrado e passou por um leilão. Comprar carros em garagens ou de pessoas particulares sempre é um risco, pois o vendedor dificilmente vai admitir que o produto dele já passou por um leilão, seja por ter sido roubado ou por ter passado por perda total.

Felizmente, existem muitos sites na internet que cobram uma taxinha de no máximo R$30,00 e que mostram um relatório completo do seu veiculo ou daquele que você deseja adquirir, com informações básicas e especificas.

Neste texto, apresentaremos a chave para não cair em uma fria e adquirir um veículo com passagem em leilão.

Qual a chance de estar adquirindo um veículo de leilão?

Enorme, se você consultar a lista de leilões de carros acontecendo a todo o momento no Brasil, por exemplo: Leilões realizados pelo Detran PR, fica fácil prever que a grande maioria dos carros estacionados nas garages de novos e usados, pode ser na verdade um carro já sinistrado e com histórico de leilão.

Veja também: Consultar pontuação da CNH

Além dos leilões do Detran, um comprador pode adquirir carros em dezenas de sites na internet ou presencialmente, tais como: Copart, Sodré Santoro, sem falar nos famosos leilões municipais.

Viu como é preciso fazer uma pesquisa do histórico de veículo antes de fazer a adquisição do mesmo?

Além das vantagens acima, essas pesquisas ainda trazem as seguintes informações:

  • Se o veículo já foi roubado;
  • Se o carro tem duplicação de motor;
  • Se tem aviso de roubo ou furto em vigor;
  • Numeração do chassis;
  • Numeração do motor e dados do carro;
  • Se o carro ainda está financiado;
  • Dentre outras informações.

Como você pode ver na lista, gastando alguns reais você pode escapar de uma furada grande.

carro de leilao como saber
Comprar um carro de leilão é um péssimo investimento. Saiba como se precaver de maus negócios.

Sites para saber se veículo é de leilão

O objetivo dessa postagem não é promover o serviço de nenhuma empresa terceirizada, nosso objetivo é trazer informações úteis aos nossos visitantes.

Existem vários sites que prestam um serviço similar, mas vou falar de apenas dois. Confira:

Carcheck – O site permite fazer tudo o que está descrito na lista acima e um pouco mais. Os valores dos serviços cobrados, são: Consulta completa R$42,90, consulta segura R$28,90, Leilão R$10,00, gravames R$8,00.

Checkmeucarro – Essa empresa oferece um serviço bem similar com Carcheck e os valores são parecidos também, ou seja, uma ótima opção para fazer a consulta do seu carro.

Olho no carro – Outro site com o mesmo estilo dos anteriores, que permite que você descubra se o seu site teve passagem por leilões por R$19,90. Se quiser fazer uma pesquisa completa, o valor passa para R$39,90.

Por que usar o serviço?

Muito simples, após fazer a checagem utilizando a placa do veículo, ficará muito mais fácil decidir se fecha negócio ou não. Se a resposta for sim em um carro de leilão, o desconto precisa ser bem grande, já que na hora da revenda o desconto deverá ser dado.

Caso o checkin não conste nenhum leilão, basta que você avalie outros pontos do carro para fechar o negócio, tais como: pintura, estado de conservação, motor e outros.





Perguntas e respostas sobre um carro de leilão

Posso saber se o carro é de leilão somente olhando o Renavam?

Infelizmente esse é um erro infantil que muitos brasileiros ainda acreditam ser verdade. A informação de que um veículo é proveniente de leilão não aparece no RENAVAM, mas pode informar que o veículo é fruto de sinistro.

Dessa forma, caso o veículo que você deseja adquirir não foi sinistrado você não saberá se ele passou por leilão apenas olhando no documento.

É possível fazer seguro em um carro de leilão?

A grande maioria das seguradoras brasileiras não tem preconceito com carros provenientes de leilão, desde que tenham vindos de recolhimentos por financiamentos não pagos, carros de test-drives, renovação de frotas e assim por diante. Todavia, carros adquiridos de leilão com histórico de sinistro tendem a sofrer mais na hora da aprovação, e quando aprovados, o valor do seguro é bem superior aos demais.

A restrição dos carros sinistrados não é somente para carros que vieram de leilão. Se você tem ou está tentando comprar um veículo que tem avarias ou marcas profundas de restauração, a negação por parte da seguradora é bastante comum.

Multas e outras dívidas do histórico passado do veículo de leilão são de responsabilidade minha?

Depende, se as multas e outras dívidas aparecem no edital de compra do veículo, os débitos serão de responsabilidade sua. Por outro lado, o que não constar no edital será de responsabilidade da seguradora ou proprietário anterior.

A parte interna de um carro de leilão sempre vem danificada?

carro de leilao - nem todos os carros vem danificados

Por mais que a informação de que carros sinistrados são vendidos para restauração em leilões, pensar que todos os veículos provenientes de leilões têm a sua parte interna danificada é totalmente mentira.

Isso acontece porque muitos desses veículos têm uma quilometragem muito baixa, foram usados como carros de test-drive ou recuperados de financiamentos. Desse modo, você pode estar adquirindo um carro praticamente novo, mas com um valor de mercado bem inferior ao real. No entanto, lembre-se que o mesmo desconto no pagamento poderá ser aplicado na hora da venda.

A mesma regra vale para carros que são comprados de particulares, já que muitas vezes os proprietários não são 100% honestos quanto a origem do bem.

Comprei um veículo de leilão. E agora, o que fazer?

Caso você tenha adquirido o carro de leilão em uma loja e não foi informado pelo vendedor sobre tal condição, é possível procurar um advogado para abrir uma ação contra a empresa. Além disso, também vale procurar o Procon para registrar uma reclamação.

O problema ainda é mais grave quando o carro foi restaurado, no caso de sinistros.

Pretende comprar um carro de leilão do Detran São Paulo?

Tenho um carro de leilão. Como vender sem perder o preço?

Nos dias de hoje é difícil falar em vender um carro de leilão ao preço que ele vale, já que até mesmo os veículos sem nenhuma passagem podem ser vendidos abaixo da tabela.

Entretanto, a primeira coisa que você deve fazer é dizer que o carro é de leilão. Essa atitude pode te livrar de dores de cabeça no futuro e você pode ganhar a confiança do possível comprador.

Ademais, explique ao comprador qual é o histórico do seu veículo, ou seja, o motivo que ele passou por um leilão, quais foram as melhorias realizadas, se teve peças trocas e etc.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.